Sword Art Online Alicization #7 Parte 1 – de Volta a Underworld – Comentários Semanais

Meu nome Tito Zucollotto Fonseca e ficarei responsável a partir de agora pelo review, não sou muito de colocar imagens e gosto bastante de escrever.

Então fiquem com o reviews, espero que gostem, antes confira o review anterior no link abaixo.

CONFIRA TAMBÉM | SWORD ART ONLINE ALICIZATION #6 – EXPLICAÇÕES – COMENTÁRIOS SEMANAIS

Nosso episódio de retorno ao Underworld começa na cidade de Centoria, a Capital de Underworld, como demonstrado no título/data. Assim como foi visto na preview, podemos ver na data que estamos em um lugar do Norte da cidade, a Academia da Espada. Incialmente, o espectador poderia ficar confuso com isso, já que, no episódio 04, Kirito e Eugeo partiam em uma jornada rumo à essa cidade e, agora, somos apresentados aos dois acordando nela. Na academia, Eugeo chama Kirito e temos a conservação da personalidade dele como dorminhoco, algo que já havia sido re-explorado desde o EP1 desse arco.

Seguindo com a famosa cena (um clichê leve que não tira a qualidade do anime, justamente por ser insignificante e não fazer parte do enredo como elemento essencial) de “Só mais cinco minutos” e “Puxar o cobertor”, Eugeo acorda Kirito e diz que o dia estaria excelente para que eles dessem uma volta (ele também menciona que aquele era o “dia de descanso” deles… guarde bem essa informação). Com isso, chega a Opening do anime e, logo após seu término, somos revelados ao já mencionado título do episódio: “Academia da Espada”.


A cena seguinte se inicia na própria cidade de Centoria, ainda ao Norte e ainda no mesmo dia 1° de Março. É informado, anexo às datas, que estamos no sexto distrito. Nela vemos Kirito e Eugeo saindo de um lugar, aparentemente uma padaria, e Kirito comendo um pão (ou alguma outra comida feita a partir de massa). Ele diz gostar bastante, ainda mais quando acaba de sair do forno. Até aqui, apenas alguns segundos (claro, não estou contando o tempo da abertura), o espectador provavelmente deve estar confuso (ainda mais aquele que não decorou as datas e não percebeu que se passaram dois anos no Underworld desde a partida). No entanto, essa visão acaba logo aqui, quando Kirito diz que o tempo passa de uma forma incrívelmente rápida (a frase não é importante em si, mas ela introduz a cena que, realmente, explica tudo).


Kirito menciona que já faz dois anos que ele e Eugeo saíram de Rulid, o vilarejo no qual eles estavam anteriormente, e Eugeo logo em seguida repete isso. A própria data já demonstrava a informação, mas ambos os personagens deixam ela bem clara, justamente para que o Time Skip evidente seja percebido e entendido aqui. Vale destacar que, em poucos segundos, a explicação já foi encaminhada (se inicia logo aqui), o que conta como mais um dos hiatos curtos entre conceito e explicação que SAO vem trazendo ao longo de Alicization. Eugeo diz que muita coisa aconteceu durante esse tempo (o que já era de se esperar pelo Time Skip) e conta que, dois anos atrás, eles chegaram a Zakkaria e, enquanto viviam e trabalhavam em uma fazenda, aperfeiçoaram as técnicas de espada. Isso tudo acompanhando imagens (estáticas como fotos) do flashback.

Aqui, temos o encaminhamento da cena para um flashback ativo. Vemos Eugeo lutando com uma espada contra um homem aparentemente maior e mais forte que ele, em uma espécie de arena. Eles protagonizam um choque de espadas e, surpreendendo o oponente, Eugeo avança com velocidade e vence a batalha com um “quase-golpe” na jugular. Logo depois, Kirito aparece duelando contra outro cara, na mesma arena. Os dois carregam a Sword Skill e, no mesmo momento avançam ao confronto. Kirito, com a habilidade já consolidada desde a luta contra os goblins (tendo ganhado maestria de manipulação de objetos e, além disso, com grande experiência de movimentação em mundos virtuais baseados em SAO e na Semente), golpeia a espada do adversário e, logo em seguida, avança de forma veloz, partindo a arma com outra Skill (a mesma que já vimos ser utilizada, inclusive).

O flashback, breve, se encerra com a cena de Kirito e Eugeo se cumprimentando na arena e a multidão aplaudindo, sendo revelado ao público que aquilo se tratava de um torneio de esgrima e que, após vencê-lo, Kirito e Eugeo entraram para a guarnição da cidade de Zakkaria.
Voltando à cidade, mas ainda concluindo a revelação anterior, Eugeo se mostra supreso por eles terem conseguido entrar para a Academia da Espada, após chegarem em Centoria. Perceba que o diálogo deixa claro que a guarnição de Zakkaria e a Academia são coisas distintas. Kirito, no entanto, questiona a surpresa de Eugeo, justamente por eles estarem na capital durante um ano e que ele já deveria estar acostumado.

Não consegui conter a minha ansiedade pelo episódio dessa semana ao ver os comentários dos leitores da Light Novel, desesperados pelo possível corte do arco de Zakkaria e de uma tal “Aranha Charlotte”. Não li o material original, até para não estragar a experiência com o anime, mas achei que a cena de flashback foi breve demais. Eles poderiam, de fato, ter mostrado bem mais do arco de Zakkaria. Provavelmente, metade de um episódio ou um inteiro seria mais do que o suficiente para isso. A cena não é tão dispensável assim em comparação com o duelo que Eugeo trava contra o mestre de armas da cidade, aquela que foi cortada no episódio 04 e, como já disse na análise, não representou um mal para o enredo.
Zakkaria seria importante para que o público ficasse mais familiarizado com os personagens e se acostumasse melhor ao crescimento de Eugeo. Isso, principalmente, porque o personagem teve um treinamento que foi evidentemente mostrado no episódio 04 mas que, devido ao hate imenso e aos espectadores que assistem com resistência e sem prestar atenção na obra, acabou sendo ignorado diversas vezes.

Se Zakkaria fosse colocada, nem que em apenas metade de um episódio, seríamos apresentados de forma mais gradativa à evolução de Eugeo como esgrimista. Isso sem contar que a jornada seria algo extremamente interessante para a obra.
No entanto, apesar de o mini-arco ter sido cortado em grande parte, é preciso reconhecer que a A-1 não chegou nem perto de fazer uma adaptação mal feita ou de ter descaso com o enredo. Isso se sustenta na medida em que o flashback foi inserido e explicou os detalhes que eram necessários. É verdade que o espectador, sobretudo aquele leitor da LN, pode dar falta de um desenvolvimento mais detalhado das habilidades e da exploração da jornada. Porém, o essencial da jornada para a história, isto é, o objetivo e o que é importante que seja extraído dela foram colocados e nos explicam o necessário do que precisamos saber sobre como Kirito e Eugeo chegaram até Centoria e quais acontecimentos enfrentaram para que evoluíssem.

Como analista e grande fã da obra de Kawahara, eu gostaria que essa parte fosse adaptada. No entanto, julgar a qualidade de um anime não deve cevar em conta aquilo que gostaríamos que ele fosse, e sim o que ele é e o que ele apresenta. Em resumo, não posso condenar esse corte de uma forma radical como muitos deverão fazer. Sword Art Online perde pontos aqui por cortar uma cena que seria produtiva para o enredo, isto é, por desperdiçar um potencial, mas não deve perder nenhum ponto por explicação, já que as cenas estão bem explicadas e descritas racionalmente. Enfim, o corte prejudica a “estética” (me refiro à fluidez e ao maior detalhamento da história) do enredo e deixa de aproveitar algo benéfico para o entretenimento, mas não chega a prejudicar a explicação de nenhum elemento, na medida em que a A-1 teve o cuidado de inserir as informações necessárias (estas eram a existência de Zakkaria, do torneio, das vitórias – inclusive, as lutas foram apresentadas – e do tempo que se passou, bem como a evolução que houve dos personagens nesse tempo) ao entendimento do público.

Gostou dos meus  comentários da primeira parte , compartilhe com seus amigos e deixem seu feedback nos comentários pois sou novo aqui.

CONFIRA TAMBÉM | SWORD ART ONLINE ALICIZATION #6 – EXPLICAÇÕES – COMENTÁRIOS SEMANAIS

Sword Art Online Alicization #7 Parte 1 - de Volta a Underworld
  • AVALIAÇÃO DO AUTOR

Tito Fonseca

Fã de Sword Art Online, contribuo para esse blog com minhas análises sobre esse anime que tanto me marcou.

Você pode gostar...